Como o primeiro bitcoin foi criado?

mineracaodebitcoin

Ripple, Monero, Ethereum, Litecoin, Dash, EOS, Golem. A quantidade quase interminável de criptomoedas e tokens disponíveis no mundo digital, que hoje chega a mais de 2,4 mil, nos dá uma pista da época promissora do mercado das moedas digitais que vivemos em pleno 2018.

Além desse volume, vemos versões cada mais desenvolvidas e que apresentam características distintas e inovadoras surgindo mundo afora. Mas uma coisa é certa: nenhuma delas sequer existiria se o bitcoin não tivesse sido criado há cerca de 10 anos atrás.

Em 2008, um paper publicado em um grupo de distribuição de mensagens sobre criptografia apresentava pela primeira vez o conceito de bitcoin, que seria a primeira implementação real das chamadas “criptomoedas”. Esse texto foi publicado sob assinatura de Satoshi Nakamoto, cuja identidade até hoje é desconhecida. Existem muitas teorias que apontam a autoria a matemáticos, desenvolvedores ou até mesmo a grupos de pessoas ligadas a esse tipo de tecnologia, mas sem nenhum tipo de confirmação.

No ano seguinte, além de colocar em execução o código do bitcoin, Nakamoto também foi
responsável pela mineração do primeiro bloco de 50 moedas, chamado de “genesis block” (ou bloco gênesis, em tradução livre). Ele é o bloco raiz, que originou todos os blocos seguintes do que conhecemos hoje como o blockchain do bitcoin.

Nesta época, o BTC também teve seu valor em moedas tradicionais atribuído. Ali, foi
estabelecido que 1 dólar seria equivalente à 1309.03 bitcoins, um valor calculado com base na eletricidade para o funcionamento de um computador com alto poder de processamento por 1 ano, o valor da eletricidade doméstica nos Estados Unidos e o total de bitcoins minerados em 30 dias.

Apenas dois anos após seu lançamento, Satoshi desapareceu sem nenhuma pista de sua
identidade. Com uma programação de código-aberto, usuários pelo mundo puderam
aperfeiçoar sua criação, tornando-a mais eficiente e segura. Sua natureza aberta também
permitiu a adaptação e criação de tecnologias similares, o que conhecemos hoje como
altcoins.

Deu para entender que a importância do bitcoin está igualmente atrelada a tecnologia em si e ao seu poder de adaptação para outras versões, certo? A partir de agora, você vai olhar para os BTCs com outros olhos!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: